Esse mundo não é meu

terça-feira, setembro 13, 2016




Eu realmente nunca vou conseguir entender aquelas pessoas que precisam estar com outras só pelo simples fato de estarem sentindo tédio. Porque não estão fazendo nada. Porque querem se divertir e acham usar a companhia alheia um boa forma pra conseguir isso.

Eu não consigo entender como usar outra pessoa pra matar tempo e carência pode ser divertido. Como tratar uma pessoa apenas como um ''contatinho'' no celular e lembrar dela apenas quando está entediada? É uma pessoa, não aquele programa da Netflix qyuevocê lembrou de assistir e está disponível na hora que você quer.

Falando nisso, há várias outras formas de matar tédio sem ser usar uma segunda pessoa. Que tal maratonar uma série? Assistir aquele filme que está em cartaz no cinema? Ler aquele livro que você abandonou?

Esse mundo dos ''contatinhos'' de celular, do ''ei sumida'' em rede social, de tratar as pessoas como se fossem passatempos descartáveis não é meu. E eu não quero nunca fazer parte dele.

You Might Also Like

2 comentários

  1. Eu passo por isso faz tempo e já até xinguei as pessoas, porém elas já me ajudaram em tempos difíceis e sinto uma coisa chamada gratidão que não me deixa cortar os laços. A minha vontade é de bloquear todo mundo e sumir, por enquanto não posso fazer isso, mas assim que puder farei.

    Também não entendo essas pessoas.
    Sempre esperamos que elas ajam da mesma maneira conosco, mas infelizmente não é assim que a banda toca e temos que dançar outro ritmo.

    Beijos
    Mundo de Nati

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gratidão é uma palavra maravilhosa, um ato incrível e só atrai coisas boas para nossa vida. <3

      Excluir

Youtube

Instagram