NÓS PRECISAMOS PARAR!

terça-feira, junho 06, 2017
Créditos: portalnodegravata

Todos nós fazemos parte de um sistema que está em decadência e não fazemos nada. NADA! Não fazemos, e sabe porquê? Estamos sempre nos eximindo da culpa. Na nossa cabeça, se não somos GRANDES CORPORAÇÕES, INDÚSTRIAS, SE NÃO TRABALHAMOS EM MATADOUROS, não temos por que estarmos sendo culpados pelo fim do ÚNICO PLANETA HABITÁVEL.

Somos especistas, aliás, nem isso podemos dizer que somos. Mas, SOMOS A ÚNICA ESPÉCIE QUE DESTRÓI TUDO AO SER REDOR, INCLUSIVE SEU SEMELHANTE. E não sou eu a correta da vida para falar isso, mas quando digo somos, eu me incluo no jogo. E quer saber, quem mais perde nesse jogo somos nós.

O consumismo exagerado nos fez destruir tudo ao nosso redor. Matamos pessoas por dinheiro, animais por dinheiro, destruímos o planeta por dinheiro. Mas, que de valerá tanto dinheiro em uma terra plana, sem pessoas, sem natureza e sem animais? Estamos caminhando para o fim. E só percebi isso realmente há poucas horas.

Créditos: Suspirando

Agora, quero comentar algumas coisas com vocês e alguns novos pensamentos que estou tendo.

Roupas

Desde que comecei o blog sempre comprei roupa na china, às vezes vendia, em outras ficava com a peça. É um mercado barato e atrativo, tendo em vista os altos preços impostos pelo Brasil. Até que um dia conheci o conceito da fashion revolution e comecei a falar sobre ele nas minhas redes sociais. Confesso que, muitas delas me senti hipócrita pois, faço parte deste sistema e por ainda desejar de comprar na china.

O que mudou em mim? Para mudar é preciso entender que você também tem culpa. Por isso, vou te dizer algumas coisas que muda nossa cabeça, mas nenhuma mudança vem sem informação. Assim, conheça a Fashion Revolution. Comece a pensar em quem realmente está fazendo suas roupas e o que ele sofre para que você tenha acesso a uma peça extremamente barata. Saiba que você faz parte disso, você contribui com e para o sistema! Assista esses documentários sobre moda consciente, tenho certeza que sua visão vai mudar muito. The True Cost, foi o primeiro que assisti, e é realmente importante que consigamos força, não para parar o sistema, que hoje, é muito mais forte que nós, mas para freia-lo.

Alimentação

Eu nunca fui magra. Mas, sempre que pensava em emagrecimento, era somente para atingir esse objetivo, ser magra, pq? A INDÚSTRIA DIZIA QUE VOCÊ DEVE SER MAGRA, SAUDÁVEL OU NÃO, QUEM IMPORTA. VOCÊ TEM QUE SER MAGRA PARA ELES TE VENDEREM ROUPA DE MAGRA.

Isso me faz retornar ao tópico anterior, quando eu pensava em emagrecer, por muitas vezes dizia, PRECISO ESTAR MAGRA PARA ENTRAR NAS ROUPAS DA LOJA TAL, ou AS MULHERES DA CHINA SÃO TÃO MAGRAS, COMO VOU ENTRAR EM ROUPAS FEITAS PARA ELAS? Nem tão somente para elas, quanto por elas. Mas, voltemos a alimentação.

Desde que decidi levar uma vida saudável, percebi que emagrecer é uma resposta do seu corpo aos novos hábitos. Entendi que não preciso ter pressa. E não era pra poder ou ser magra, era para me encaixar em um padrão. ok. Não vamos falar mais desses padrões, não neste tópico. O negócio é que me deparei com um vídeo sobre a indústria do leite no facebook esses dias (o primeiro vídeo abaixo), e não sei bem o que aconteceu, mas eu me senti extremamente culpada por fortalecer um sistema que me destrói.

Mas, novamente, só conhecer não muda nada. Por isso, pesquisei mais sobre o assunto e cheguei a conclusão que, a grande maioria das nossas atitudes serve apenas para nos destruir, e de quebra, destruímos tudo ao nosso redor. Consigo ser vegetariana? Ou Vegana? A resposta para isso é não sei, mas consigo ficar sem todo tipo de carne? Sem carne vermelha já estou desde o ano passado, a carne branca ainda não consigo retirar, mas tudo é feito por etapas, você não consegue nada da noite pro dia.

Decidi tentar, aprender a comer mais vegetais, testar coisas novas, ler mais sobre, descobrir novos sabores e ser uma pessoa melhor. 

Tecnologia

Um celular novo, um computador novo, um tablet novo, etc. Nossa vida com relação à tecnologia se resumi assim como a moda, a acompanhar os lançamentos e produzir tanto lixo quanto o planeta tem condição de aterrar ou no melhor dos casos, reciclar. Meu pensamento sempre refletiu para a tecnologia do consumo, mas antes de olhar para o novo lançamento da marca, pense bem na contribuição que estará dando para o planeta ou se está apenas suprindo um mero capricho para sustentar o mercado consumidor?

Ecossistema

Eu fiz parte da geração do NADA A VER. Jogar lixo no chão? Nada a ver. A culpa é do prefeito que não coloca latas de lixo nas ruas. Mas, a culpa é minha, é sua. O lixo é nosso. E cada vez mais, mais o produzimos, mais o jogamos fora, mais poluímos o meio ambiente, mais consumimos. É um sistema que precisa parar, antes que sejamos destruídos pelo nosso próprio consumo.

Animais

Aqui deixo apenas uma pergunta para vocês? É justo que um animal, um ser criado para habitar esse planeta, que goza dos mesmos direitos de existência que a gente, seja morto para que você possa ter prazer? Fomos projetados para realmente se alimentar dos animais? Assista aos documentários e reflita sobre.

Quer entender sobre? ASSISTA OS VÍDEOS ABAIXO!













O que quero com tudo isso?

Em nenhum momento vim aqui para dizer.

PARA DE COMER CARNE.
PARA DE COMPRAR DA CHINA.
PARE DE CONSUMIR.

O que quero com tudo isso é levar você a refletir sobre como nossas atitudes afetam o meio ambiente e principalmente nossa própria existência. Eu decidi começar uma mudança em mim e você?

2 comentários:

  1. Quando tinha 16 anos fui influenciada por uma colega de classe e me tornei vegetariana. A princípio todos na casa acharam que eu não conseguiria, mas com uma boa conversa, minha mãe começou a incluir outros tipos de alimentos na mesa especificamente para mi. Me mantive firme e forte por 4 meses! Pode parecer pouco, mas me sinto uma vitoriosa por ter saído da minha zona de conforto. Não foi difícil abrir mão da carne, mas dos frutos do mar!! Acabou que voltei a ser a pessoa de antes, comendo carne etc e tal... Hoje sei que com esforço consigo e desde o ano passado penso em voltar. Me fez muito bem, é uma mudança de vida radical, mas muito satisfatória que lhe faz pensar em todo resto Não é só parar de comer carne, é um estilo de vida! É parar de usar produtos de marcas que fazem testes em animais, é comprar de forma mais consciente e por aí vai... Na semana passada assisti ao vídeo do leite e não consigo tirar essa imagem da minha cabeça. Desde então reduzi o consumo de leite e produtos derivados. Estou cortando aos poucos e sei que chegará o dia em que irei parar de consumi-lo
    O post está ótimo, além de super reflexivo!
    Um beijo enorme.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É realmente uma grande mudança, e muda completamente nossa forma de consumir, seja alimentos, roupas, cosméticos, etc. Eu sou muito consumista e isso tem me ajudado bastante, pois, em vez de comprar pra satisfazer meu desejo, eu estou pensando muito mais no impacto das minhas ações no meio ambiente e na vida do próximo, seja ele animal ou não. E acaba que isso interfere toda uma cadeia de consumo. Por exemplo, eu era a louca das compras da china, mas, desde que conheci o fashion Revolution não consigo mais comprar, pq sei que é trabalho escravo, ai entra também a escolha de consumir menos e melhor, conhecer marcas sustentáveis. Até comprei uns livros para estudar sobre alimentação, finanças, roupas, etc. Acho que falei dmais kkkk

      Excluir