Uma conversa sincera sobre blogs, redes sociais e internet!

sábado, julho 22, 2017
Hello Stranger!


Onde foi que você se perdeu no caminho para o sucesso?
Onde foi que você se perdeu no caminho que te leva para a paz?
Onde foi que você se perdeu tentando se encontrar?
O sucesso aliena? A fama consome o conteúdo? Foi ai que não soube onde estava tua identidade?

Estou a procurar respostas. Sabe me dizer onde foi que me perdi? Esse texto é muito sobre mim, mas também é sobre você!

Eu estava perdida, em todas as esferas da minha vida, não tinha certeza sobre nada e isso se refletia no blog. Eu me sentava a frente do computador e nada saia, nada realmente bom, ou realmente sincero. Meus temas mudaram, as celebridades já não me importam mais, quero falar sobre vida saudável e moda ética. Quero poder me expressar da forma mais simples e sincera possível.

Mas, o que me fez voltar, AGORA? Uma dica: se ainda não assistiu a este vídeo, espero que o faça, principalmente se você tiver um blog. 

O que realmente ocorre é que todas as vezes que eu me perco na tentativa de produzir conteúdo, eu mudo a cara do blog ou simplesmente começo do zero, mas, não dá para continuar desta maneira, não mais. E quer saber o motivo? Assim como nas nossas vidas, o passado conta uma história e não quero jogar ela fora, não mais.

Tudo começou quando exclui todos os vídeos dos quais eu não gostava do youtube, (aqueles vídeos que você faz porque dá visualização, mas não te representam). Depois, fiz uma limpa no meu facebook, instagram e twitter, comecei a usar cada uma segundo a sua finalidade. Mas, o blog ainda continuava meio perdido nesse turbilhão de mudanças.

Sabe quando a vida ideal das redes sociais começa a ser o seu ideal? Sabe quando você começa a comparar a qualidade, ignorar particularidades, como se o seu conteúdo não fosse bom, não fosse necessário. Quer saber, é esse conteúdo que te faz única. Só você o faz! Continue assim. Sobre o youtube? Ainda não estou pronta, e quando estiver, eu irei.

Voltei a frequentar regularmente os cultos, ler livros que me motivem a melhorar minha vida, organizei meus contatos e cá estou aqui, no objetivo de passar tudo isso para vocês :) Espero que ainda estejam por aqui!

Enfim, um desabafo desorganizado, porém sincero. Não mais tentarei ser mais uma na multidão, serei eu, para cinco, seis ou vinte. Obrigada!

2 comentários:

  1. Eu comecei meu blog sendo mais um na multidão, mas percebi que aquilo não me satisfazia, não me fazia feliz. Então eu resolvi ser eu mesma e começar do zero, mesmo se não tivesse público por causa disso.
    Esse post diz muito sobre mim e minha história com blogs. Amei.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu acredito que essa individualidade que nos faz ser especiais. Não desista garota!

      Excluir