segunda-feira, junho 22, 2015

# #Feelings

#Feeling: PORQUE ESCREVER DÓI?

Eu nunca me perguntei por que escrevo e muito menos fiz esforço para escrever, mas sempre que digo para alguém algo sobre escrever, eu faço com que a pessoa veja que isso é muito mais do que escrever palavras, é sobre se expressar, é sobre despejar sobre a mesa tudo aquilo que você não consegue dizer, mesmo que se esforce para isso.

Quando nos sentimos mal com algum ex-amor ou quantos estamos simplesmente apaixonados, escrever é como parir, você precisa sentir essa dor, pois sem ela não existe cicatrização. Você nunca viu ninguém sarar de uma doença que nunca teve, do mesmo modo, se você não sentir a dor, você nunca se permitirá a cura.

Um dia disse a uma amiga que ela precisava se libertar, escrever uma carta para ele, um texto, mesmo que ele não fosse ler, mesmo que ela não fosse publicar, ela precisava escrever ele por inteiro, e só assim iria se libertar. E se passaram meses, mas quando ela finalmente “pariu”, foi a coisa mais linda, um belo texto que me fez assistir um filme de tudo que aconteceu, um dos mais belos que ela escreveu até hoje, pelo menos dos que eu li. É por isso que precisamos nos libertar, pois precisamos viver de novo. E de novo.

Certas coisas não precisam ser sentidas, precisam ser “vomitadas” e isso é raiva, artista tem bem disso, procurar todas as maneiras possíveis para libertar sua expressão e escrever é bem isso. Quando se está com raiva, é muito mais simples escrever, o problema é que as palavras saem como facas, amoladas, que cortam, e profundamente.

Certa vez escrevi um texto para uma amiga, ela leu, sabia que era para ela, e isso a machucou profundamente, pois ela não sabia que eu havia ficado tão magoada com seu ato, mas fiquei. Eu sabia que deveria ter conversado com ela, mas a forma mais simples que encontrei foi escrever, não iria suportar chorar, por isso não falei. Na verdade, na maioria das vezes, eu não falo por medo de chorar, apenas isso, não sei controlar o rio que vive em meus olhos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Follow Us @forwhatperola