segunda-feira, março 21, 2016

# #Book

#Resenha: Faça amor, não faça jogo


Olá meu povo tudo bem?

Desde que terminei de ler o livro da Paula Pimenta comecei imediatamente a ler o livro Faça amor, não faça jogo do Ique Carvalho. O que posso dizer além que estou apaixonada? Nada! Gente, não tem condição, ele escreve perfeitamente bem e te conquista a cada linha. To em choque! Tive que vir compartilhar com vocês.


Qual a sinopse do livro?

Viver a plenitude do amor é o desejo senão de todas, ao menos da maioria das pessoas. Amar e ser amado incondicionalmente, contar com o apoio de alguém para as horas difíceis e para os momentos alegres, e saber que independentemente do que fazemos, alguém estará ao nosso lado simplesmente pelo que somos é o ideal de vida de muitos.

Viver esse amor na prática, no entanto, nem sempre é fácil. E é exatamente sobre felicidade, vida e amor que Ique Carvalho fala neste livro. O autor, que começou escrevendo em seu blog e já tocou o coração de milhares de pessoas que se envolveram e se emocionaram com suas palavras, descreve com perfeição o amor que muitos procuram e poucos realmente encontram. E ele fala do amor em todas as suas expressões: desde o romântico entre duas pessoas até o mais puro e verdadeiro dos laços familiares, que ele tem com seu pai e mentor.

Como as relações humanas são frágeis e complicadas, os relacionamentos tornam-se difíceis, o que nos faz buscar a felicidade nos lugares ou nas pessoas erradas. Mas o autor nos faz enxergar a vida de forma diferente. Faça amor, não faça jogo é um lembrete de que, no jogo do amor, não é necessário haver ganhadores ou perdedores. Basta olhar e aceitar novos paradigmas e acreditar no que diz seu coração. E vivenciar isso de verdade.


Preço: R$20,90
Onde comprar: Saraiva


O que achei do livro?

Essa pergunta é meio óbvia, mas tudo bem, vou dizer em detalhes. Faça amor, não faça jogo fala sobre um cara normal, com histórias normais, mas que fez uma escola que mudou tudo. Ele escolheu amar ao invés de ser um canalha, escolheu o amor, sempre que não ligar no outro dia fosse uma obrigação, ele escolheu te encantar não por criar um esteriótipo de homem perfeito, mas por mostrar que tudo que precisamos é um cara comum, que simplesmente escolha o amor.

Você vai se encantar com os conselhos amorosos, as histórias que são semelhantes as suas, a dor de perder o pai, o escolher o amor e buscar sempre pessoas que irão te fazer feliz. Como eu disse, é um livro amorzinho, assim como o Ique.








Quem ai já leu esse livro? Eu to in love.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Follow Us @forwhatperola