Aquele Back to December que nunca irá acontecer...

sábado, junho 24, 2017

E se quer saber... Ela não voltaria a dezembro. Não mais.

Ela jurou que nunca mais escreveria sobre você, mas, desta vez, ela precisava de palavras para descrever o que sentia. Mas, antes dela transformar dor em escrita, coloquei sua música para tocar E talvez você nem saiba que ela também é sobre você.

Ela já perdeu a conta de quantos textos escreveu para você ou quantas vezes escutou essa música para se lembrar que:

Dear MRJ. I see it all now, it was wrong
Don't you think Twenty too young to be played by
Your dark twisted games when I loved you so?
I should've known

Novembro foi o mês em que ela se perdeu quando encontrou você. E não pense que houve nada de positivo nisso, pelo contrário, você destruiu em pouco tempo tudo que ela demorou anos para construir. Você foi além, a fez sentir como uma garota de dezoito anos, com todos os sentimentos de volta, e, mesmo sabendo de tudo, seu coração pulsou quando viu seu nome chamar na tela do celular.

Mas ela deveria saber. Como você pode as colocar em uma situação dessas? Você jogou tão bem que enganou até mesmo aquela que se considerava a rainha do xadrez. Você a manipulou tão bem, como pode? Aquele conto de fadas nunca existiu, você a privou da sua companhia para estar com outra. Você jogou, brincou, pra quê? Você acha mesmo que duas amigas são bonecas para você usá-las como e quando quiser? Achou mesmo que elas não iriam descobrir? Agora a única resposta que elas tem para você é "Não vai dar", e, caso não tenha percebido, você recebeu das duas a mesma resposta.

Ela deveria ter escutado quando diziam: corra o mais rápido que puder.
Ela deveria ter escutado seu coração, quando ele dizia, não volte atrás.
Ela voltou todo o caminho para casa pensando em você.
E em como você a fez perder até seus instintos mais seguros.
Mas, ela deveria saber.
Eles a acusaram de ter perdido a cabeça.
Mas, eles não sabiam da verdade, e, hoje ela sabe.
Você não acha que ela é ainda muito jovem você para aplicar seus jogos?

Deveríamos saber.
Ela me disse: você é a próxima. E ela estava certa.
Mas, o mundo dá volta e em algumas delas você perde.
Chegou a sua vez.
Seis dias após você procurou por ela.
E o mundo girou novamente.
Mais um Xeque-mate em você.
Sentiu o gosto do sangue na sua boca?
Não se achava o rei? Saiba que matamos você.

Now it's time to go to the next chapter. And believe me if you want, you're not in it.

* Este texto tem fortes indicações para músicas, talvez você descubra, talvez não.

0 comentários:

Postar um comentário